fbpx
EditorialOpinião

CRUZADO DE DIREITA

ROBERTO DE LUCENA, UM SECRETARIO DE TURISMO NA ROTAÇÃO DE TARCISIO, A 200 KM POR HORA.

Roberto de Lucena já serviu 3 mandatos como deputado federal e agora foi escalado pelo governador, carinhosamente chamado pelos paulistas como ‘Tarcisão do Asfalto’. É sua 2ª passagem pela Secretaria Estadual de que já comandou entre 2015 e 2016. A primeira (e difícil) missão é reaquecer o turismo no litoral norte fortemente abalado por temporais e deslizamentos que causaram mortes e destruição em vários municípios da região especialmente Ubatuba e São Sebastião. Nessa hora a experiencia de Lucena tem feito toda a diferença viabilizando linhas de financiamento para pequenos hotéis e pousadas atingidos pelas chuvas e desenvolvendo um, planejamento estratégico para a retomada do turismo na região. O secretario, no entanto não se esquece do imenso potencial turístico dos 645 municípios paulistas e planeja grandes ações na área de turismo de aventura, ecológico e turismo rural. Parece que Tarcísio de Freitas escolheu o homem certo, para o lugar certo.

 

PL CRESCE, FLAVIO BOLSONARO CANDIDATO A PREFEITO NO RIO. E TALVEZ EDUARDO CANDIDATO EM SP.

O PL (Partido Liberal), de Jair Bolsonaro, planeja eleger 1.000 prefeitos em 2024, além da relatoria do Orçamento na Camara Federal, o partido terá 18% do Fundo Eleitoral, em razão dos 99 deputados federais eleitos pelo  PL em 2022. Com tantos atrativos o partido comandado por Valdemar Costa Neto para atrair prefeitos eleitos e pré-candidatos a prefeito de outras legendas. A possibilidade de ter o Mito como cabo eleitoral também anima aqueles que buscam o executivo municipal. Para dar mais visibilidade a esse projeto o senador Flávio Bolsonaro (PL-RJ) deve sair candidato à prefeitura do Rio e o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL-SP) ainda não declarou seu interesse mas já aparece em 2º colocado para a prefeitura de SP…

 

NA BAHIA, ADMINISTRADA POR PETISTAS HÁ 17 ANOS, UM MONUMENTO À CORRUPÇÃO NA PETROBRAS!

A “Torre Pituba”, em Salvador, que voltará a sediar a Petrobras por decisão do ex-senador Jean Paul Prates, presidente da estatal, foi símbolo das falcatruas dos governos petistas de Lula e Dilma, investigadas na Operação Lava Jato. O prédio foi obra da Odebrecht e OAS, protagonistas do maior escândalo de corrupção da História. E, claro, mais uma obra superfaturada: a “torre”, monumento à corrupção, custou 400% a mais, segundo o Ministério Público Federal (MPF). O MPF apontou que a obra, orçada em R$320 milhões, saiu por R$1,2 bilhão. Os valores superfaturados foram transformados em propinas. 

 

O CULPADO É SEMPRE O MORDOMO. OU O ALBERTO YOUSEFF.

O doleiro Alberto Youssef, um dos pivôs da Operação Lava Jato, foi preso na cidade de Itapoá, no norte de Santa Catarina. Ele foi preso preventivamente por determinação do atual juiz que cuida da operação, Eduardo Fernando Appio, que substitui o ex-juiz Sérgio Moro na 13ª Vara Federal Criminal de Curitiba, especializada em crimes financeiros e de lavagem de ativos. A prisão foi por conta de crime tributário. Youssef está sendo levado para Curitiba. Durante a Lava Jato, Youssef fez um acordo de delação premiada. O acordo foi assinado em troca de informações que poderiam levar à prisão de mais pessoas envolvidas nas investigações da operação. O doleiro é apontado como o chefe de um esquema de pagamentos de propinas e lavagem de dinheiro.

 

FIM DA PICADA. LULA LEVARÁ JOESLEY BATISTA EM VIAGEM OFICIAL A CHINA.

Joesley Batista é preso por suposto esquema de corrupção no Ministério da Agricultura’; calma, essa primeira frase não é minha, mas sim da repórter do Infomoney, Weruska Goeking, escrita em 09/11/2018. O Brasil é mesmo uma caixinha de surpresas, quem diria que apenas cinco anos após ser preso por suspeitas de corrupção no Ministério da Agricultura, Joesley seria o convidado de honra do mesmo Ministério da Agricultura, na pessoa do ministro Carlos Favaro para ir a China junto com mais 88 convidados para melhorar as relações entre governo chinês e o agronegócio brasileiro. O grupo deve desembarcar no país oriental no dia 20 de março e duas dezenas de tratados comerciais deverão ser assinados visando redução de barreiras alfandegárias com a China. Enquanto os maiores latifundiários do país fazem essa viagem nababesca à China, por aqui os pequenos e médio os produtores tem que se virar para proteger suas propriedades dos invasores do MST.

 

PT ACIONA DESOCUPADOS CONTRA PRESIDENTE DO BC.

Numa prova que manifestações violentas e radicais, são uma ferramenta de uso frequente do PT. O partido do presidente vai acionar grupos radicais ligados a CUT, Central Única dos Trabalhadores para pressionar o presidente do Banco Central Roberto Campos a renunciar. É o governo agindo abertamente contra a lei, aprovado pelo senado e pela câmara dos deputados que está em vigor desde fevereiro de 2021. E nem é a primeira vez, quando se iniciou as investigações do Mensalão, as mesmas táticas de terrorismo foram usadas para pressionar o Ministro Joaquim Barbosa do STF a renunciar, o que acabou acontecendo em 2014. Joaquim, o 1º ministro negro do STF, que comandava as investigações do mensalão – infelizmente o ministro cedeu pressão e adiantou sua aposentadoria. Só para se ter ideia, o ministro Joaquim Barbosa poderia estar no STF até hoje. Desde a posse de Lula, Campos Neto se tornou alvo de ataques do petista. Isso porque o mandato do presidente do BC só acaba em 2024, em virtude da independência da autoridade monetária. Só então o PT indicará o sucessor.

 

ESTUPROS EM GUERRA SÃO CRUEIS, PORÉM RECORRENTES.

Olhe o que sua mãe está fazendo”. A frase inominável foi dita por um dos soldados russos bêbados que estupraram a mãe de um jovem de 20 anos, colocado de joelhos, com um fuzil apontado para a cabeça … e obrigado a assistir tudo. Além da mãe, a namorada também foi estuprada na sua frente. A violência contra as duas mulheres e a humilhação do jovem, que se sente fracassado por não tê-las defendido. Esta semana, foi fechado mais um caso, o de dois soldados que estupraram uma menina de quatro anos e a mãe dela na frente do pai e marido. Promotores ucranianos identificaram um padrão de comportamento  em todas as localidades investigadas: nos dois primeiros dias, os russos chegavam, escolhiam onde queriam se instalar, checavam os celulares de moradores para ver se tinham parentes nas forças de segurança. “No terceiro dia, começavam a estuprar”.

Mostrar mais

Eduardo Negrão

Eduardo Negrao é jornalista e escritor. Instagram: @prof.eduardonegrao

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo